IMG_1377

NORMCORE: O VALOR DOS BÁSICOS E ATEMPORAIS

Oi gente! Tudo bem com vcs?

Hoje vim falar de uma coisa que tem me feito refletir muito já faz um tempo: a velocidade das tendências e o consumismo desenfreado no mundo da moda.

Nas últimas décadas a sociedade mudou muito no que diz respeito à velocidade da informação, e essa mudança se deu principalmente por conta da internet. E aí as vezes eu paro um pouco pra me questionar se nós já nos demos conta do que estamos fazendo, ou de como estamos vivendo, sentindo e principalmente, consumindo.

Num piscar de olhos passamos a viver num mundo onde tudo se tornou tão moderno, automático e veloz que ficamos como bebezinhos vendo TV: olhando encantados para o brilho daquelas cores, mas sem de verdade entender o que está acontecendo. Nós somos influenciados a comprar muitas coisas e elas rapidamente perdem a “validade” e não paramos para pensar muito em nada disso, afinal tudo acontece muito rápido. Cada mês uma tendência nova e haja dinheiro e espaço no guarda roupa para acompanhar todas elas!

“Aquela estampa está ultrapassada.” Por quê? “De repente passei a amar e querer ter tudo nessa cor.” Por quê?

Isso me faz lembrar logo de quando ia comprar roupas com meus primeiros (pequenos) salários e a decisão final na escolha das peças era “a que combina mais com as outras”, a cor do sapato era “a que ficava melhor com a maioria das roupas”, ou seja as coisas mais básicas.

Essa conversa toda vem ganhando espaço de algum tempo pra cá justamente por que as pessoas começaram a ficar cansadas dessa corrida desenfreada e desejarem um consumo de moda mais lento e de coisas que não percam a validade tão rápido. O que nos leva a palavra tema desse post: NORMCORE.

O termo surgiu em 2009 no webcomic Templar, no Arizona, e em 2013 foi adotada pela K-Hole, uma agência nova-iorquina que pesquisa tendências e comportamentos. A agencia começou a observar que crescia o número de pessoas que gostaria de vestir roupas mais confortáveis e funcionais e naquele ano criou um  relatório chamado “Youth Mode: a Report on Freedom” (“Modo da Juventude: Um Relatório sobre a Liberdade”).

No entanto, em 2014 o termo normcore ganhou tanta visibilidade que começou a ser visto como mais uma de muitas tendências e modismos. É como falar que virou moda não ligar para a moda. É normal e de certa forma inevitável que algo que comece a ser usado por três ou quatro pessoas famosas seja rapidamente decretado como tendência e o normcore é mais uma dessas coisas. Porém, ainda assim, enxergo que abriu-se uma brecha muito interessante para todos nós que gostamos de moda: a noção básica do normcore de conforto.

Três anos se passaram e cá estamos de novo tentando sair do ciclo vicioso de uma tendência atrás da outra. Acho que nos dias de hoje é quase impossível passar imune a todas as tendencias, mas se pudermos sempre ter em mente o questionamento de se queremos consumir aquela peça por que de fato é algo que se encaixa no nosso estilo ou se é um mero modismo, desses que usamos duas ou três vezes e ficam jogados no fundo do guarda roupa.

Por fim, modismos a parte, acredito cada vez mais o raciocínio (que falei lá em cima sobre como comprava roupas com meus primeiros salários), de comprar o que vá combinar com mais coisas, o que é mais confortável (obviamente, dentro do seu estilo), deveria ser sim uma “tendência” mundial paralela e duradoura.

Abaixo alguns looks que trazem a noção do normcore:

IMG_1360

IMG_1362

IMG_1366

IMG_1367

IMG_1369

IMG_1370

IMG_1373

IMG_1375

IMG_1379

IMG_1381 IMG_1382

IMG_1383

IMG_1386

IMG_1394

IMG_1396

IMG_1398

IMG_1401

IMG_1402

Reparem que cada uma tem um estilo de sapato, jaqueta, calça… Mas todos de certa forma simples e confortáveis.

Espero que tenham gostado! Beijos e até a próxima!

12318239_944089155626200_603070911_o

Novos amores da Forever21

Dei uma passadinha na Forever21 do Barra Shopping tem umas semanas, mas a correria me fez postergar esse post!

O que achei: Não tinha muita coisa boa, gostei mais da loja do Village Mall, mas depois de muito provador, achei umas coisas lindinhas!!

1) Vestido blusão de listras:

Eu estou amando blusões e listras muitomuitomuito!!

IMG_2429-01-1

Muito fresquinho, prático e essas listras… e o precinho: R$ 49,90!!!!

2) Hot pants skinny black jeans:

Total curinga de todos os momentos, o tipo de coisa que tem que ter no armário e ponto!! Preço com cara de Black friday mas nem foi: R$ 49,90!!!

IMG_2427-01

12318236_944096728958776_324703805_o

3) Blusa basicona:

Outro item que me salva sempre que pego um short ou saia mega estampadões! Baratérrimo: R$ 35,90

12319396_944114892290293_106400980_n

12315067_944096942292088_1727092875_o

4) Acessórios boho:

Eu sou muito muito detalhista e sempre quis ter um desses colares maxi, mas quando achava bonita a parte central, achava feia a corrente. Quando bati o olho nesse, foi amor de cara!! Ele era o que eu sempre sonhei!

Não foi baratinho, custou R$ 79,90 mas ainda acho que valeu muito a pena!

O bracelete digo o mesmo! Linda e boho! R$ 29,90

12299529_944090312292751_1370769286_o

Detalhes:

12318133_944096805625435_1943981219_o 12333756_944096888958760_1673357283_o

12319729_944100692291713_1731733355_n

5) Essa coisa linda de necessaire:

Já estava na fila quando vi essa linda abandonada! Como gente?! R$ 29,90

12325676_944092002292582_96047189_o12299762_944091965625919_2065249325_o

Mesmo que aparentemente fraca a loja do Barra Shopping, valeu a pena dar uma garimpada!!

Gostaram dos meus achadinhos?